Estamos AQUI.

terça-feira, 20 de maio de 2014

ABERTAS as Inscrições para a Oficina de Ficção Áudio

Destinada a jovens a partir dos 14 anos.
Número máximo de participantes:10
Tempo de duração: 30 horas, em Junho
Responsável: Pedro Pinto
Local: Antiga Estação da CP

JUSTIFICAÇÃO:
Na Oficina de Ficção Áudio são desenvolvidas processos criativos directamente ligados à narrativa. Esta oficina poderá representar um seguimento para o trabalho desenvolvido nas oficinas de leitura dramática ou de leituras encenadas, pondo ao dispor dos participantes uma panóplia de materiais e técnicas, bem como espaços indicados à gravação e edição dos textos em formato áudio, para que eles possam guardar registo do trabalho desenvolvido ou até mesmo publicá-lo.

DESCRIÇÃO:
 
Os participantes serão encorajados a partir de um texto (seja um romance, poema, conto, texto dramático, anedota, letra de canção ou guião cinematográfico) para desenvolver conteúdos sonoros de forma a construir ambientes sonoros e acompanhar a narração, acções, diálogos. A oficina estará dividida em 3 módulos de aproximadamente 10 horas cada. No primeiro módulo é feita uma introdução teórica e confrontar-se-ão os formandos com trabalhos desenvolvidos tanto ao nível do Livro Sonoro, como de Peças Radiofónicas, incentivando a análise crítica dos mesmos. Ao mesmo tempo, são introduzidas as ferramentas técnicas que os formandos terão ao seu dispor no estúdio de som – Workstation, cabine de gravação, gravador portátil, microfones, hardware e software de Som, etc. No segundo módulo iniciar-seá o desenvolvimento dos projectos individuais ou de grupo e realizar-se-á uma série de experiências práticas de gravação e mistura de som, à medida que se vão apurando ideias e firmando capacidades técnicas. Nesta fase os participantes poderão contar com o apoio de atores da CTB para gravação de vozes e auxiliar na interpretação dramática de textos específicos. No terceiro módulo os projectos serão finalizados, apresentados publicamente e analisados, quer pelo formador, quer pelos formandos. Não só o produto final mas todo o processo de trabalho será examinado e explicado de forma a partilhar experiencias e enriquecer futuras criações artísticas centradas no áudio.

OBJECTIVOS:
 

Adaptar diversos estilos literários ao formato áudio, de forma a criar peças sonoras individuais ou em grupo. Estimular e enriquecer as capacidades técnicas e artísticas dos participantes. Continuar o trabalho desenvolvido por oficinas anteriores do Bragacult com base na narrativa e leitura dramática (Fixação de Narrativas Orais, Leitura e Interpretação, Leituras Encenadas). Aumentar as capacidades críticas e de análise sobre o trabalho sonoro. 

COORDENADOR:
Pedro W. Pinto, nascido em 1982, é licenciado em Som e Imagem pela Escola das  Artes, Universidade Católica Portuguesa. Durante a licenciatura foi vencedor do prémio de Melhor Áudio Experimental no festival Black & White 2004. Em 2006 terminou a sua especialização em Som e iniciou a colaboração com a Companhia de Teatro de Braga como sonoplasta. Em 2006 e 2007 ocupou a posição de animador sociocultural do serviço educativo do Museu dos Transportes e Comunicações do Porto, onde monitorizou diversos grupos de trabalho em oficinas de rádio e televisão, no âmbito do projeto Comunicação do Conhecimento e da Imaginação. De 2007 a 2009 colaborou intensivamente com a Companhia de Teatro de Braga,  tendo trabalhado com vários encenadores nacionais e internacionais como criador de Som e de Vídeo. Em 2009 decide mudar-se para Berlin onde viveu e trabalhou até 2012. Aqui associa-se como criador de Som e Vídeo ao grupo de teatro O-Team, com quem tem vindo a desenvolver espetáculos em várias cidades alemãs. Também em Berlin funda o grupo de teatro independente “Mechanicaltheatre”. Continua como colaborador regular da CTB e em 2013 funda o coletivo artístico Rodaviva, principal responsável pelas suas criações de Vídeo e Som. Participou como coordenador nas oficinas de Produção de Audiobooks e de Esculturas Sonoras no primeiro projeto Bragacult e já em 2014 criou a composição “Bragacult Soundscape”, utilizada como instalação sonora no projeto de intervenção urbana Mostra ´Cidade. Ainda em 2014 Justa-se à produtora internacional Non-Dual Productions.


Mais informações através do 253 217 167. 
Inscrições abertas no site www.ctb.pt ou através do email bragacult@gmail.com


Esta oficina é realizada no âmbito do Projeto BragaCult/2 desenvolvido pela Companhia de Teatro de Braga que visa a revitalização cultural da zona histórica e malha urbana da cidade, a partir de novas abordagens às práticas culturais que, de modo sustentado, garantam a participação ativa das populações, na busca de melhores públicos e mais qualificada cidadania. Ao longo de 2014, o Projeto BragaCult/2 realizará um conjunto de ações e oficinas específicas nas áreas da Expressão (o Corpo e as Disciplinas Teatrais), da Palavra (Escrita e Memória), do Áudio (Exploração e Recriação do Som) e do Vídeo (Exploração e Produção de Imagem).